Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama: ataque contra embaixada britânica é ‘inaceitável’

Estudantes iranianos depredaram propriedade do governo 3 vezes nesta terça

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, considerou nesta terça-feira ‘inaceitável’ a série de ataques contra a embaixada britânica em Teerã e destacou que o incidente demonstra que o Irã não leva a sério suas obrigações internacionais. Além de Estados Unidos, o episódio foi condenado pela Grã-Bretanha e pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas.

“Esse tipo de comportamento é inaceitável”, declarou o presidente americano no início de uma reunião com o primeiro-ministro holandês, Mark Rutte. Obama fez um ainda um ‘firme’ apelo ao Irã para que proteja as legações diplomáticas estrangeiras e leve os culpados do episódio desta terça à Justiça.

Em comunicado anterior, a Casa Branca condenou ‘nos termos mais enérgicos’ os ataques contra a embaixada britânica em Teerã e instou o Irã a condenar o incidente e a proteger as legações diplomáticas. “Instamos ao Irã que respeite totalmente suas obrigações internacionais, condene o incidente, leve os responsáveis à Justiça e garanta que este tipo de incidente não se repita na embaixada britânica e em nenhuma outra”, declarou o porta-voz da Casa Branca, Jay Carney.

Contexto – Nesta terça-feira, a embaixada britânica em Teerã foi atacada três vezes por estudantes islâmicos insatisfeitos com as sanções de Londres ao programa nuclear iraniano. Os jovens manifestantes içaram a bandeira iraniana no mastro do edifício britânico, queimaram a insígnia da Grã-Bretanha e entraram nas dependências, onde saquearam documentos e destruíram um retrato da rainha Elizabeth II. Depois da confusão, a polícia expulsou os desordeiros.

(Com agência EFE)