Clique e assine com até 92% de desconto

Medvedev faz apelo ao diálogo com Ocidente sobre escudo antimísseis

Por Da Redação 22 dez 2011, 08h03

Moscou, 22 dez (EFE).- A Rússia está aberta ao diálogo sobre o desdobramento do escudo antimísseis na Europa e espera que o Ocidente caminhe nesta direção, declarou nesta quinta-feira o presidente russo, Dmitri Medvedev, em seu discurso anual sobre o estado da nação no Parlamento.

‘Estamos abertos ao diálogo construtivo e a trabalhar nesses assuntos com nossos parceiros, se eles aprenderem a nos escutar’, ressaltou.

Medvedev disse confiar que as potências ocidentais tentarão conversar com Moscou ‘tanto para encontrar uma solução aceitável para ambas as partes como para conservar o clima de confiança’.

‘A política externa da Rússia está baseada no desenvolvimento da situação geopolítica, na necessidade de garantir a segurança do país e nas relações com outros Estados, levando sempre em conta os interesses dos nossos cidadãos’, explicou o presidente.

As Forças Armadas russas continuarão se modernizando nos próximos anos, acrescentou.

‘Até 2020 o nosso Exército deve estar dotado com 70% do armamento e tecnologia militar modernos. Um exército evoluído e bem armado poderá diminuir o número de soldados, que serão substituídos por militares profissionais’, disse Medvedev.

Em 2017, o Exército russo deverá contar com 425 mil efetivos, quase a metade de todos os soldados que as Forças Armadas possuem atualmente, concluiu o líder russo. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade