Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Manobra militar do Irã vai bloquear entrada do Golfo Pérsico

Pelo Estreito de Ormuz circulam, atualmente, um terço do petróleo mundial

Por Da Redação 13 dez 2011, 12h45

O Irã anunciou nesta terça-feira que irá bloquear o Estreito de Ormuz – entrada do Golfo Pérsico e porta de saída de um terço do petróleo mundial – durante as próximas manobras navais que a Marinha do país realizar em águas internacionais usando seus navios de combate.

“Faremos manobras para fechar o Estreito de Ormuz em pouco tempo. Se o mundo quer tornar esta região insegura, nós tornaremos o mundo inseguro”, disse Parviz Soruri, deputado membro da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do Parlamento e um dos mais radicais parlamentares iranianos.

Recentemente, a Marinha iraniana anunciou a realização de amplas manobras, denominadas “Velayat 90”, em águas internacionais, entre o Golfo Pérsico e o Mar de Omã. De acordo com o Irã, o objetivo dos exercícios militares é testar suas unidades de superfície e submarinos mais modernos, além de mísseis, outras armas e equipamentos.

Programa nuclear – A decisão iraniana é considerada uma provocação ao bloco de potências ocidentais que, liderado pelos Estados Unidos, pressiona a República Islâmica a abandonar seu polêmico programa nuclear. De acordo com um relatório das Nações Unidas, o Irã tem a intenção de fabricar armas atômicas – Teerã nega, alegando fins civis e pacíficos.

Recentemente, os EUA e a União Europeia anunciaram novas sanções políticas e econômicas ao país islâmico. O principal objetivo dos países ocidentais é sufocar o sistema financeiro iraniano. Por suas características geopolíticas e importância econômica, o Estreito de Ormuz é um dos maiores pontos estratégicos do planeta.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade