Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Linhas de pipa com cerol matam 3 em um único dia na Índia

Duas crianças e um homem foram atingidos por linhas com cerol em três diferentes regiões do Estado de Délhi

Duas crianças e um homem morreram com cortes na garganta provocadas por linhas com cerol usadas em pipas no Estado indiano de Délhi no Dia da Independência da Índia, em 15 de agosto.

Zafar Khan, de 22 anos, teve a garganta cortada na segunda-feira enquanto dirigia sua moto. As crianças, uma menina de 3 anos e um garoto de 4 anos, foram atingidos ao colocar o corpo para fora do carro pelo teto-solar do veículo, em diferentes regiões do Estado.

LEIA TAMBÉM:
Sobrevivente ganha na loteria 6 dias após acidente aéreo
Ativista indiana termina greve de fome de 16 anos

As linhas que cortaram as crianças provocaram ferimentos profundos, chegando inclusive a cortar a traqueia, de acordo com o site Hindustan Times. O motociclista perdeu muito sangue e teve ferimentos na cabeça ao cair da moto. Um menino de 8 anos levou 20 pontos após ser atingido por uma linha com cerol.

As pipas são populares na Índia, principalmente durante festivais e celebrações. O cerol – mistura de cola e vidro moído – é passado na linha para derrubar outras pipas, mas com frequência provoca ferimentos em pessoas e animais. Nos últimos dois anos, quinze pessoas morreram em decorrência de ferimentos provocados por linhas com cerol em três Estados da Índia.

O governo de Délhi proibiu o uso de cerol em linhas de pipa, sob pena de até um ano de prisão e multa de 100.000 rupias, o equivalente a 4.800 reais.