Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Irã está disposto a negociar com AIEA – mas nem tanto

Chefe do programa nuclear limita os casos em que está disposto a cooperar

Por Da Redação 29 ago 2011, 13h20

O Irã mostrou nesta segunda-feira que está disposto a cooperar com a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) – mas nem tanto. O chefe do programa nuclear iraniano, Fereydoun Abbassi Davan, afirmou que não trocará mais combustível nuclear com as grandes potências, mas que aceitaria intensificar sua cooperação em “um número limitado de casos”.

“Não negociaremos mais um possível intercâmbio e um cessar de nossa própria produção de combustível”, declarou Davan, à Agência Irna. As grandes potências propuseram, em 2009, que o Irã entregasse combustível levemente enriquecido a alguns países e recebesse em troca combustível mais enriquecido. O argumento era de que isso permitiria ao Teerã seguir com seu programa nuclear civil sem ter a necessidade de continuar desenvolvendo suas tecnologias para enriquecer urânio – o que poderia levar à capacidade de produzir armas atômicas.

O projeto previa que o Irã enviasse mais de 1.200 quilos de urânio levemente enriquecido (3,5%) para a Rússia e recebesse em troca combustível russo e francês enriquecido em 20% para seu reator de pesquisa em Teerã.

Limites – “No que se refere à cooperação com a AIEA, pedimos que nos apresentem suas principais alegações, com documentos e provas, para examiná-los”, indicou o chefe do programa nuclear iraniano. “Dissemos à AIEA que, para discutir sobre essas questões, é preciso haver um limite, ou seja, um número limitado de casos. Caso contrário, os países hostis às nossas atividades nucleares pacíficas não vão parar de apresentar outras demandas, inventando documentos para a AIEA”, acrescentou.

O Irã negou-se até o momento a discutir novas questões evocadas pela AIEA acerca de seu controverso programa nuclear, argumentando que se tratam de afirmações sem fundamento.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)