Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Identificadas as vítimas de helicóptero caído no Grand Canyon

Seis turistas britânicos e o piloto se acidentaram na queda; entre os três mortos estão dois irmãos e a namorada de um deles

Por Da redação
Atualizado em 4 jun 2024, 17h03 - Publicado em 12 fev 2018, 16h33

Três britânicos –dois deles irmãos– foram identificados hoje como as vítimas fatais da queda de um helicóptero EC-130 no Grand Canyon, no estado americano do Arizona. O helicóptero caiu em uma área conhecida como Quartermaster Canyon por volta das 17h20 locais (22h20 em Brasília) do último sábado. Outros três turistas britânicos mais o piloto da aeronave ficaram gravemente feridos e foram evacuados para o University Medical Center em Las Vegas. O resgate só ocorreu após às 2hoo de domingo (7h00 em Brasília) devido ao mau tempo e ao difícil acesso ao local do acidente.

Acidente de helicóptero no Grand Canyon
Acidente de helicóptero no Parque Nacional do Grand Canyon no estado americano do Arizona (//Reprodução)

Os irmãos britânicos Jason Hill (32) e Stuart Hill (30) estavam em Las Vegas para celebrar o aniversário de Stuart junto a um grupo de outras quatro pessoas. O passeio de helicóptero –um tour bastante comum em Las Vegas– era realizado pela Papillon Airways, uma das maiores operadoras de voos turísticos do mundo, e que, segundo o site da companhia, transporta mais de 600.000 passageiros por ano.

Ambos irmãos morreram, assim como a namorada de Stuart Hill, identificada como a britânica Becky Dobson, de 27 anos, que trabalhava como secretária em uma clínica veterinária. Stuart era funcionário da Mercedes-Benz  no Reino Unido e seu irmão, Jason, era advogado corporativo.

Continua após a publicidade
Parque Nacional do Grand Canyon
Parque Nacional do Grand Canyon no estado americano do Arizona (Jim Urquhart/Reuters)

As causas da queda do helicóptero ainda são desconhecidos, mas o NTSB, o órgão responsável pelas investigações de acidentes e recomendações de segurança nos Estados Unidos, já iniciou as investigações sobre o acidente. Outro helicóptero da Papillon Airways se acidentou no Grand Canyon em 2001, deixando seis mortos, incluindo o piloto — apenas um passageiro sobreviveu àquela queda. Na época, a conclusão do NTSB foi que o acidente ocorreu por erro do piloto.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.