Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gingrich vai abandonar a disputa republicana

Segundo rede CNN, ex-presidente da Câmara deve retirar a candidatura na próxima semana

O ex-presidente da Câmara Newt Gingrich decidiu que vai abandonar a disputa pela Presidência dos Estados Unidos, retirando na próxima semana sua candidatura à nomeação republicana, informou a rede CNN nesta quarta-feira, com base em fontes próximas a Gingrich. O anúncio será feito na próxima terça-feira. Na véspera, o ex-governador Mitt Romney venceu todas as primárias do partido, em cinco estados americanos – e solidificou a sua posição como o mais provável adversário de Barack Obama nas eleições de novembro.

Depois de uma série de derrotas e apenas duas vitórias (na Carolina do Sul e na Georgia), Gingrich sabia que suas chances seriam mínimas. Ele se mantinha firme na disputa, especialmente porque acreditava poder fazer diferença nos estados que rendiam o maior número de delegados por serem mais populosos, como em Nova York, no Texas e na Califórnia.

Prévias – Os triunfos em Delaware, Connecticut, Rhode Island, Nova York e Pensilvânia aproximam Romney dos 1.144 delegados necessários para oficializar a sua candidatura à Presidência. As prévias de terça-feira foram as primeiras desde que o segundo colocado, Rick Santorum, desistiu da campanha, no dia 10 de abril, abrindo caminho para Romney. Conservador, Santorum era a maior ameaça para o empresário na corrida.

Em 40 prévias realizadas, o ex-governador de Massachusetts venceu 25 e soma 844 delegados. Newt Gingrich soma 137.