Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Gaza: Hamas reivindica disparos de foguetes contra Israel

'É nossa resposta aos crimes sionistas', acrescentou facção armada do grupo

Por Da Redação - 19 jun 2012, 12h03

A facção armada do Hamas, as Brigadas Ezedin al Qasam, anunciou nesta terça-feira ter disparado dez foguetes do tipo Grad na direção de Israel, em comunicado publicado em Gaza. “É nossa resposta aos crimes sionistas. Isso continuará se (os israelenses) prosseguirem com seus ataques contra Gaza”, advertiram as Brigadas no texto.

O anúncio das Brigadas acontece horas depois que fontes médicas informaram que Israel matou nesta terça-feira dois palestinos em um ataque aéreo no centro da Faixa de Gaza, perto da fronteira. Os dois palestinos morreram durante a madrugada, ao leste da localidade de Deir al-Balah, mas os corpos só foram recuperados durante a manhã, quando as ambulâncias conseguiram chegar ao local, informaram fontes médicas.

Leia também:

Leia também: Israel desloca tropas para a fronteira com Egito

Publicidade

As duas vítimas foram identificadas como Mohammed Basam Abu Maeilq e Yusef al-Talabani, ambos de 17 anos. De acordo com testemunhas, os dois estavam perto da barreira da fronteira quando foram atingidos. Um porta-voz militar israelense confirmou o ataque e citou um “comando terrorista”, localizado quando manipulava um artefato explosivo perto da barreira de segurança no centro da Faixa de Gaza.

Na segunda-feira, o Exército israelense matou quatro palestinos em ataques aéreos ao norte do território, perto da fronteira. Dois deles foram acusados de participação em ataques com foguetes e os outros dois, combatentes da Jihad Islâmica, de tiros com fuzil.

(Com agência France-Presse)

Publicidade