Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Forças curdas atacam último reduto do Estado Islâmico na Síria

Ofensiva conta com apoio de aviões da coalizão internacional liderada pelos EUA

As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança de milícias integrada majoritariamente por curdos, lançaram neste domingo, 10, um ataque contra o último reduto do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) na Síria.

O porta-voz das FSD, Mustafa Bali, informou no Twitter que os combates começaram nos arredores da cidade da Al Baguz, perto da fronteira com o Iraque, e que a aliança de milícias conta com o apoio de aviões da coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos.

Al Baguz representa o último enclave povoada mantido pelos jihadistas. O grupo ainda é amplamente visto como uma ameaça à segurança por sua presença em territórios remotos e capacidade de lançar ataques de guerrilha.

As FDS, lideradas pela milícia curda YPG, estavam prontas para avançar sobre o enclave por semanas, mas aguardaram para permitir a saída de civis, muitos deles mulheres e filhos de combatentes do Estado Islâmico.

(Com EFE e Reuters)