Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Elizabeth II renova compromisso com seu país ao comemorar 60 anos no poder

Viviana García.

Londres, 6 fev (EFE).- A rainha Elizabeth II renovou nesta segunda-feira seu compromisso a serviço do Reino Unido ao comemorar 60 anos no trono, os quais viveu sem que tenha sido reduzido o respaldo de seus súditos e sem apresentar sinais de cansaço aos 85 anos de idade.

Salvas de tiros de canhão e inúmeras felicitações lembraram a data nesta segunda-feira, celebrada pela rainha sem grande pompa em visitas à Prefeitura de King’s Lynn, em Norfolk (leste da Inglaterra), e a uma escola.

Com sua inseparável bolsa e um chapéu azul, a rainha não deixou de sorrir em um dia tão importante, ao completar 60 anos desde que sucedeu seu pai, o rei George VI, apesar das grandes celebrações terem sido deixadas para junho.

No Hyde Park (em Londres), em uma cena bastante colorida que parecia tirada do romance de León Tolstói ‘Guerra e Paz’, a Artilharia Real do Exército Britânico montada a cavalo marcou a ocasião com 41 salvas de canhão, que também foram registradas em outros lugares como a Tower of London e o castelo de Edimburgo.

As comemorações oficiais do Jubileu de Diamante da rainha acontecerão em junho, quando há vários eventos programados, entre eles um grande desfile de milhares de navios novos e antigos pelo rio Tâmisa, em Londres.

Em carta dirigida aos cidadãos divulgada nesta segunda, Elizabeth II manifestou sua emoção pela grande quantidade de mensagens recebidas e destacou o poder da ‘união’ e ‘a força da família, da amizade e da boa vizinhança’.

‘Neste ano especial, eu me dedico outra vez a seu serviço’, disse a rainha, cujo apoio não diminuiu e que, segundo as últimas pesquisas, ronda os 80% da população.

‘Também espero que este ano do Jubileu seja um momento para agradecer os grandes avanços obtidos desde 1952 e para olhar em direção ao futuro com a mente clara e o coração solidário para nos unir em nossas celebrações’, destacou.

Por conta do aniversário, o Royal Mail (correios britânicos) emitiu selos postais especiais que substituem a tradicional cor dourada que rodeia a silhueta da cabeça da rainha por um azul com as palavras ‘Jubileu de Diamante’.

Além disso, o Palácio de Buckingham, residência oficial da Família Real, divulgou duas fotografias oficiais de Elizabeth II.

Os cumprimentos à rainha foram liderados pelo primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron. Em mensagem divulgada nesta segunda, o chefe do governo homenageou a monarca e destacou sua ‘dignidade’ e ‘silenciosa autoridade’.

Cameron agradeceu a rainha por sua dedicação e pelos ‘magníficos’ anos de serviço ao Reino Unido.

‘Hoje é um dia para render tributo ao maravilhoso serviço de vossa Majestade. Com experiência, dignidade e silenciosa autoridade, ela guiou e uniu nosso país e a Commonwealth durante seis variadas décadas’, ressaltou o chefe do governo.

Além disso, o político conservador defendeu a monarquia como instituição ao afirmar que há um ‘mal-entendido’ em quem pensa nela como um ‘adorno brilhante’.

Além de Cameron, o prefeito de Londres, o conservador Boris Johnson, felicitou Elizabeth II pelo Twitter.

‘Calorosas felicitações a Vossa Majestade no 60º aniversário de sua ascensão (ao trono). Pelo Jubileu de Diamante: Deus salve a rainha’, disse Johnson em seu perfil.

O ministro das Relações Exteriores britânico, William Hague, também recorreu ao Twitter para parabenizar a rainha por seus anos ‘à serviço ao povo britânico e à Commonwealth’.

Aos 85 anos, Elizabeth II é a soberana britânica mais longeva e a que mais tempo ficou no trono depois da rainha Victoria, que foi monarca durante 63 anos e morreu aos 81 anos. EFE