Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Educar os jovens para construir a paz (Papa)

Por Alberto Pizzoli 1 jan 2012, 09h34

O Papa Bento XVI insistiu, neste domingo, durante a mensagem de Ano Novo, sobre a necessidade de inculcar valores morais nas crianças e nos jovens, para que possam “construir a paz”.

Lamentou que as crianças sejam, agora, criadas numa “realidade social que pode levá-las a se tornarem intolerantes e violentas”, e pediu que seja transmitido a elas, ao contrário, “um profundo senso de justiça e de respeito ao próximo”.

Fez um apelo aos líderes religiosos e educadores através do mundo a combater “a cultura do relativismo”, e a transmitir aos jovens os valores da paz e da justiça.

“A cultura do relativismo apresenta uma questão radical: é ainda necessário educar? E educar para que?”, questionou o soberano pontífice.

“Ante as sombras que obscurecem o horizonte do mundo de hoje, a responsabilidade de educar os jovens para ensinar a eles a verdade, os valores e as virtudes, é olhar o futuro com esperança”, acrescentou.

Continua após a publicidade
Publicidade