Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Debby’ causa inundações e danos no noroeste da Flórida

Miami, 26 jun (EFE).- As intensas chuvas e os fortes ventos provocados por ‘Debby’, que tocou terra nesta terça-feira e que nas últimas horas se debilitou a depressão tropical, alagaram e forçaram a evacuação de algumas zonas do norte da Flórida (EUA), levando à interrupção de vários lances da única estrada interestatal que percorre o estado de leste a oeste.

Em seu boletim das 21h (horário de Brasília), o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos detalhou que a depressão tropical se encontrava a 29,5 graus norte e 83,1 graus oeste, ou seja, 40 quilômetros ao norte de Cedar Key, na Flórida.

A essa hora, seus ventos máximos sustentados já haviam caído a 55 km/h, embora ‘Debby’ seguisse avançando lentamente, a 9 km/h, em direção ao nordeste.

‘Debby’ castiga há dias a costa da Flórida, já que sua velocidade de deslocamento desde sua formação, no sábado passado no Golfo do México, é muito baixa, o que deu muito tempo para que as nuvens descarregassem água.

Por enquanto se mantém o estado de emergência decretado na segunda-feira na Flórida.

Os meteorologistas esperam que ‘Debby’ siga avançando em direção leste-nordeste nas próximas horas e que o faça um pouco mais rápido, com o que poderia atravessar a parte norte da Flórida durante as próximas 24 horas.

Às 20h, ‘Debby’ já tocara terra na Flórida e tendia a debilitar-se, embora o NHC tenha advertido que ainda seguirá provocando fortes ventos e chuvas nos próximos dias.

Até o momento foram registradas duas vítimas fatais: uma mulher do condado de Highlands, que morreu no domingo após sua casa ser destruída, e outra pessoa, que morreu também no domingo como consequência de um tornado. No entanto, ainda não há confirmação oficial dessas mortes.

Na baía de Tampa, a chuva causou a inundação de casas situadas nas zonas mais baixas, enquanto no condado de Pasco foi ordenada a evacuação de uma zona na qual 106 casas foram danificadas.

Em alguns casos, os habitantes dessa zona tiveram de ser socorridos por oficiais, que acederam à área em embarcações devido às inundações, que também forçaram a interrupção de vários lances da I-10, a única estrada interestatal que percorre o norte da Flórida.

A Agência Federal de Gestão de Emergências (Fema, na sigla em inglês) habilitou nesta terça-feira vários abrigos adicionais para as pessoas que foram obrigadas a abandonar suas casas devido às inundações provocadas por ‘Debby’, que também deixou sem luz milhares de famílias. EFE