Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Comissão nuclear japonesa recebeu doações da indústria

Por - 1 jan 2012, 09h23

Quase um terço dos integrantes da comissão oficial japonesa sobre segurança nuclear recebeu doações da própria indústria nuclear do país, informa o jornal Asahi Shimbun, em um claro questionamento da neutralidade do painel.

De acordo com o jornal, dois dos cinco membros permanentes e 22 dos 84 observadores externos da comissão receberam doações de empresas e organizações industriais vinculadas ao setor nuclear, em um período de cinco anos, até março de 2011, quando aconteceu o acidente de Fukushima.

As doações chegaram a 1,1 milhão de dólares, segundo o jornal. Pelo menos 11 integrantes receberam doações de fabricantes de reatores nucleares e empresas ligadas à produção de combustível nuclear e que eram objeto de análise da própria comissão.

As revelações do Asahi Shimbun representam um duro golpe à neutralidade do grupo, no momento em que a segurança dos reatores nucleares japoneses é um tema chave após o terremoto seguido por um tsunami de 11 de março.

A catástrofe deixou 20.000 mortos ou desaparecidos e provocou um grande acidente na central nuclear de Fukushima.

Continua após a publicidade
Publicidade