Clique e assine a partir de 9,90/mês

China liberta dissidente condenado com ajuda do Yahoo!

Wang Xiaoning cumpriu pena de 10 anos por 'tentativa de subversão do estado'

Por Da Redação - 31 ago 2012, 09h57

Um dissidente chinês que havia sido condenado com base em informações repassadas às autoridades de Pequim pelo gigante da internet Yahoo! foi libertado nesta sexta-feira, depois de cumprir a pena de 10 anos.

Leia também:

Leia também: ‘Só saí da China porque a considero uma prisão’, diz escritor chinês

Wang Xiaoning, blogueiro e militante pró-democracia, estava preso desde 2002. Ele foi condenado a 10 anos de prisão em 2003 por “tentativa de subversão do poder do Estado”.

Continua após a publicidade

Com 62 anos, Xiaoning foi libertado durante a madrugada e está em boas condições físicas e mentais, segundo sua esposa, Yu Ling. O caso das informações pessoas sobre os “ciberdissidentes”, reveladas pelo Yahoo! às autoridades chinesas, foi devastador para a imagem da empresa americana.

(Com agência France-Presse)

Publicidade