Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Celebrações de 4 de julho quebraram fundo para segurança de Washington

Prefeita da capital americana pediu que a cidade seja reembolsado pelos gastos nas comemorações organizadas por Trump

Em uma carta ao presidente Donald Trump na terça-feira 10, a prefeita de Washington DC, a democrata Muriel E. Bowser, afirmou que as comemorações do feriado de 4 de julho faliram o fundo especial da prefeitura dedicado a segurança de eventos na capital.

Segundo Bowser, as celebrações pela independência dos Estados Unidos na cidade de Washington custaram 1,7 milhão de dólares.

As despesas com policiais e outras equipes de segurança escalados para os desfiles e protestos que ocorreram na semana passada deixaram um rombo no Fundo de Planejamento de Emergência e Segurança (ESPF) da cidade. A reserva deve entrar em déficit de 6 milhões de dólares até o fim do atual ano fiscal, em 30 de setembro.

O fundo é destinado a proteger a capital americana de ameaças terroristas e fornecer segurança em eventos como protestos e funerais de Estado.

“É fundamental que o EPSF seja totalmente reembolsado por esses gastos para garantir que o Distrito possa manter a segurança e o apoio adequados durante o restante do ano fiscal sem incorrer em um déficit para as atividades federais”, escreveu Bowser, segundo a emissora NBC News.

Em sua carta, a prefeita também se queixou que Washington nunca foi ressarcida pelos gastos com a posse de Trump, em 2017.

A comemoração do Dia da Independência, que Trump chamou de Saudação à América, incluiu um discurso do presidente no Lincoln Memorial, sobrevoos de aviões militares e uma exibição de veículos blindados no National Mall.

Também foram realizados o tradicional concerto “A Capitol Fourth” nos Jardins do Capitólio, com a presença da cantora Carole King e de vários outros artistas, como os Muppets da “Vila Sésamo”.

Apoiadores de Donald Trump seguram cartaz durante celebrações do 4 de julho em Washington DC – 04/07/2019

Apoiadores de Donald Trump seguram cartaz durante celebrações do 4 de julho em Washington DC – 04/07/2019 (Tom Brenner/Reuters)

Em seu pronunciamento, Trump adicionou à celebração o componente político. As mudanças no evento, tipicamente apolítico, alimentaram protestos contra o presidente na cidade.

Manifestantes expuseram cartazes e o balão gigante “bebê Trump”, que retrata o republicano de fraldas, em frente ao Lincoln Memorial.