Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Barco de imigrantes vira no Mediterrâneo e deixa ao menos 25 mortos

Cerca de 400 pessoas foram resgatadas até o momento

Um barco lotado com centenas de imigrantes virou no mar Mediterrâneo na costa da Líbia, nesta quarta-feira, de acordo com agências de ajuda humanitária. Autoridades afirmaram que ainda não está claro, precisamente, quantas pessoas estavam a bordo. A Guarda Costeira italiana e a agência de refugiados da ONU, Acnur, disseram que cerca de 400 pessoas foram resgatadas e que 25 corpos foram encontrados até o momento.

LEIA TAMBÉM:

Mais de 2000 migrantes são socorridos no Mediterrâneo

União Europeia concorda em realocar 40 mil imigrantes

A operação de resgate conta com barcos das Marinhas da Itália e da Irlanda e do grupo humanitário Médicos Sem Fronteiras (MSF). O MSF disse em um tuíte que embarcação que virou levava 700 pessoas. “A equipe do Dignity 1 (barco do MSF que estava perto do acidente) confirma que tragicamente houve várias mortes, mas não tem os números nesse momento”, disse a entidade no Twitter.

O Mediterrâneo é o local com o maior número de mortes de imigrantes no mundo. Mais de 2 mil morreram neste ano em tentativas de chegar à Europa de barco. No ano passado, houve 3.279 mortes, informou a Organização Internacional de Imigração na terça-feira.

(Com agência Reuters)