Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ban Ki-Moon pede ‘Europa da tolerância’ para imigrantes

Secretário-geral da ONU pediu que os países lutem contra os estereótipos

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, fez nesta terça-feira uma advertência à União Europeia (UE) a respeito do fortalecimento do discurso contra a imigração e exigiu uma “Europa da tolerância” para o século XXI. “Uma perigosa tendência está surgindo, uma nova política de polarização. E o mundo não pode permitir isso”, advertiu, em um discurso diante do plenário do Parlamento Europeu.

Segundo ele, alguns países acusam os imigrantes de violar os valores europeus, “mas muito frequentemente são os acusadores os que atacam esses valores e, com isso, a própria ideia do que significa ser cidadão da UE”. Ban Ki-Moon apontou os “imigrantes de fé muçulmana” como os principais alvos desse discurso, e pediu que a Europa não permita esses estereótipos que “fecham as mentes e alimentam o ódio”.

O secretário ainda salientou que os imigrantes sofrem de forma desproporcional o desemprego, a discriminação e a desigualdade de oportunidades nas escolas e nos postos de trabalhos. Por isso, fez um apelo pela recuperação de uma Europa “fundada sobre os direitos do homem e valores de humanidade, um continente unido por valores comuns e não dividido pelas diferenças étnicas ou religiosas.”

(Com agência EFE)