Clique e assine a partir de 9,90/mês

Avião da Turkish Airlines para SP aterrissa em Casablanca por ameaça de bomba

Por Da Redação - 30 mar 2015, 10h02

(Atualizado às 11h39)

Um avião da Turkish Airlines com destino a São Paulo desviou sua rota e aterrissou em Casablanca, no Marrocos, depois de declarar emergência por uma ameaça de bomba, disse uma porta-voz da companhia. O voo TK15 decolou às 10h18 de Istambul (4h18 de Brasília) com cerca de 250 passageiros e seis tripulantes a bordo, quando declarou emergência e desviou sua rota informou a porta-voz. Segundo a imprensa turca, foi encontrado um bilhete com a palavra “bomba” num banheiro da aeronave. Não há ainda a informação da língua em que foi escrito o bilhete Quando a aeronave chegou ao norte da África, a tripulação pediu autorização para um pouso de emergência e foi direcionada para Casablanca, reporta a CNN.

A companhia aérea disse que se trata de um procedimento padrão pousar o avião nesse tipo de circunstância. O Boeing 777 pousou com segurança em Casablanca por volta das 9h30 (horário de Brasília). Depois do pouso, os passageiros foram retirados antes da entrada do esquadrão antibombas, segundo o canal NTV. Nenhuma outra informação estava imediatamente disponível. Procurada, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) disse não ter informações sobre o voo desviado.

Leia também

Austrália passa a exigir 2 pessoas nas cabines dos aviões

Áudio do Airbus mostra desespero do piloto: ‘Pelo amor de Deus, abra a maldita porta

As autoridades marroquinas ativaram os máximos dispositivos de segurança no aeroporto de Casablanca. Fontes turcas consultadas pela agência EFE afirmaram que as autoridades estão verificando as identidades das 256 pessoas que estavam a bordo. Além disso, acrescentaram que por enquanto não foi encontrado nada suspeito no interior da aeronave. A Turkish Airlines informou que está dando continuidade às investigações necessárias a bordo e que uma decisão sobre a continuação do voo para São Paulo será decidida de acordo com o resultado da investigação. A porta-voz da companhia disse que o voo para São Paulo será retomado assim que for considerado seguro.

O aeroporto de Casablanca, apesar do alerta de segurança, operava normalmente após o pouso da aeronave da Turkish Airlines, informaram autoridades de aviação marroquina. No domingo, outro voo da Turkish Airlines, com destino a Tóquio, retornou ao local de origem pouco após decolar depois que um bilhete com as palavras “C4 Cargo” foi encontrado na porta do banheiro. C4 é um tipo de explosivo muito usado por militares. Após uma varredura, nenhum explosivo foi encontrado naquela aeronave.

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade