Clique e assine com 88% de desconto

Atentados contra igrejas matam 4 na Nigéria

Por - - 10 jun 2012, 15h12

Quatro pessoas, incluindo um homem-bomba, morreram e pelo menos 50 ficaram feridas em dois atentados contra igrejas na Nigéria neste domingo, que foram reivindicados pela seita islamita Boko Haram.

O primeiro atentado teve como alvo um templo em Khos (centro) e matou três pessoas, incluindo o terrorista, além de ter deixado 41 feridos.

Um homem avançou com o carro repleto de explosivos contra a igreja, segundo fontes locais.

O segundo ataque, que provocou a morte de uma mulher e deixou vários feridos, foi cometido por homens armados contra uma igreja da cidade de Biu (nordeste).

Publicidade

“Vários homens armados atacaram a igreja durante o serviço religioso”, declarou o presidente da Associação Cristã de Biu, Samson Bukar.

“Somos responsáveis pelo ataque suicida contra uma igreja em Jos e por outro ataque contra uma igreja em Biu”, afirmou um porta-voz do Boko Haram.

O grupo islamita Boko Haram cometeu desde meados de 2009 atentados contra autoridades governamentais, contra as forças de segurança e as minorias cristãs nas cidades do norte, de maioria muçulmana.

Publicidade