Clique e assine com 88% de desconto

Atentado deixa 5 mortos e 7 feridos no Paquistão

Por Da Redação - 27 fev 2012, 10h01

Islamabad, 27 fev (EFE).- Pelo menos cinco pessoas morreram e sete ficaram feridas nesta segunda-feira pela explosão de uma bomba durante a manifestação de um partido minoritário que faz parte do Governo paquistanês, informou à Agência Efe uma fonte policial.

O atentado, reivindicado pelos talibãs, aconteceu em Nowshera ao término de uma concentração do Partido Nacional Awami (ANP), segundo a fonte, que não informou se o ataque foi suicida.

A explosão aconteceu quando o chefe do Governo da província de Khyber-Pakhtunkhwa (KPK), Haider Khan Hoti, que pertence a esta formação, deixou o local em um helicóptero.

O Partido Nacionalista Awami é um partido laico pashtun – etnia que predomina em KPK e da qual procedem os talibãs – aliado com o governante Partido Popular (PPP) do presidente paquistanês, Asif Ali Zardari.

Publicidade

Segundo a rede de televisão ‘Khyber’, o atentado foi reivindicado pelo movimento talibã paquistanês.

Os insurgentes realizam frequentes atentados contra as forças de segurança, alvos governamentais e inclusive civis, sobretudo em KPK, uma das regiões mais conflituosas do Paquistão.

Segundo o canal ‘Express’, a manifestação convocada pelo partido Awami concentrou cerca de 5 mil pessoas.

O número de mortos por terrorismo no país caiu em 2011 18% com relação ao ano anterior – de 2.913 a 2.391 -, de acordo com um relatório do Instituto do Paquistão para Estudos de Paz. EFE

Publicidade