Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ataques entre tribos deixam 51 mortos no Sudão do Sul

Ao menos 51 pessoas morreram em novos ataques e confrontos entre tribos adversárias no estado de Jonglei, no Sudão do Sul, informou nsta terça-feira o governador desta região.

“Durante toda a noite eles queimaram a cidade… 51 foram confirmados mortos e agora temos 22 feridos evacuados para Juba”, disse o governador de Jonglei, Kuol Manyang.

Homens armados invadiram a aldeia de Duk Padiet, no norte de Jonglei, no fim da segunda-feira, e a maior parte dos mortos eram “mulheres, crianças e idosos”, disse Manyang à AFP.

“Estamos esperando que mais sejam feridos porque eles correram para as vilas ontem à noite”, explicou, culpando homens armados do grupo étnico Murle pelo ataque.

A região remota e empobrecida de Jonglei vê uma escalada dramática da violência com ataques sangrentos entre grupos étnicos rivais.

O recém-independente Sudão do Sul declarou Jonglei como uma “área de desastre” nacional, enquanto os Estados Unidos lançaram uma grande operação de emergência para ajudar algumas das 60 mil pessoas afetadas pela violência.