Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ataque suicida na Nigéria mata dois policiais

Um atentado suicida com carro-bomba em frente ao quartel-general da polícia na cidade nigeriana de Maiduguri (nordeste) causou a morte nesta sexta-feira de ao menos dois policiais, indicaram autoridades e testemunhas.

“Um camicase tentou forçar a entrada no quartel-general da polícia (…), seu veículo se chocou contra sacos de areia na entrada do edifício e explodiu”, indicou uma fonte policial informando sobre “várias vítimas”. Uma testemunha indicou que viu os corpos de dois policiais.

O delegado de polícia do estado confirmou a explosão, mas negou-se a dar mais detalhes, indicando que estava no hospital para onde os feridos foram levados.

O grupo islamita Boko Haram estabeleceu sua base em Maiduguri, cidade onde reina um clima de medo. A violência nesta região deixou mais de 1.000 mortos desde meados de 2009, quando o exército nigeriano reprimiu a insurreição do grupo.

Em agosto, um terrorista suicida planejava atacar o mesmo edifício, o quartel-general da polícia para o Estado de Borno, mas foi morto por agentes da guarda.

A cidade registra diversos ataques com bomba e tiroteios. Na terça-feira, os soldados nigerianos mataram ao menos 16 militantes quando entraram em uma área de Maiduguri na qual acredita-se que os membros da Boko Haram se escondem. Durante várias horas foram ouvidos disparos na região.