Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ataque aéreo dos EUA na Líbia mata dois reféns sérvios

Funcionários da embaixada foram capturados pelo Estado Islâmico em novembro do ano passado

Dois funcionários da embaixada sérvia, mantidos como reféns pelo Estado Islâmico desde novembro do ano passado, morreram no ataque aéreo dos Estados Unidos contra o grupo terrorista na sexta-feira, no oeste da Líbia. A informação foi dada pelo ministro de relações exteriores da Sérvia, Ivica Dacic.

Dacic identificou os reféns como Sladjana Stankovic, do departamento de comunicações, e Jovica Stepic, um motorista. Eles foram capturados em novembro, após o comboio diplomático, que incluía o embaixador, ficar em meio a um incêndio na cidade líbia de Sabratha.

Segundo o ministro, em conversa com a imprensa, a informação das mortes foi passada por oficiais sérvios presentes no país, mas não foi confirmada pelo governo da Líbia.

(Com Estadão Conteúdo)