Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ao menos 11 pessoas morrem em atentado suicida com carro-bomba em Mogadíscio

Por Da Redação 8 fev 2012, 14h16

Nairóbi, 8 fev (EFE).- Ao menos 11 pessoas morreram e outras 15 ficaram feridas em um atentado suicida com carro-bomba em frente ao Muna Hotel, no centro de Mogadíscio, perto do palácio presidencial, informou nesta quarta-feira à imprensa o coronel Ahmed Hassan Malin, porta-voz do Governo Federal de Transição (GFT) da Somália.

Por sua vez, o parlamentar Dahir Abdulkadir Muse, citado pelo site ‘Somalia Report’, declarou que cinco de seus companheiros, que estavam na cafeteria do hotel atingido, ficaram feridos no ataque.

Segundo o ‘Somalia Report’, após a explosão, soldados das forças de segurança do GFT começaram a disparar no local do atentado, mas não se sabe qual era o alvo.

O hotel, que habitualmente é frequentado por inúmeros políticos do país, já foi cenário de um sangrento atentado em agosto de 2010, quando três rebeldes da milícia radical islâmica Al Shabab, vestidos com uniformes militares, entraram no edifício e começaram a disparar.

Ao menos 33 pessoas morreram, entre elas seis parlamentares somalis e cinco oficiais do Exército, e outras 40 ficaram feridas. EFE

hc/mm

Continua após a publicidade
Publicidade