Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Anarquistas ocupam rádio ateniense para ler manifestação terrorista

Atenas, 10 jan (EFE).- Um grupo de anarquistas ocupou desde às 10h (de Brasília) a rádio ateniense ‘Flash 96’ para ler uma declaração a favor de oito supostos integrantes do grupo terrorista Luta Revolucionária, submetidos a julgamento na Grécia desde dezembro.

A ocupação da emissora por cerca de 30 pessoas aconteceu sem uso de violência e a polícia está negociando com os invasores a saída da rádio.

Na declaração lida ao vivo, o grupo se solidarizou com os oitos supostos militantes de Luta Revolucionária e denunciou a pequena repercussão do caso na mídia grega.

Após lerem a declaração, os simpatizantes do grupo deixaram o estúdio de gravação, mas permanecem na emissora onde estão negociando sua saída com a Polícia. Um amplo sistema de segurança foi desdobrado na sede da ‘Flash 96’, que já voltou a sua programação normal.

A Luta Revolucionária atentou desde 2003 até sua desarticulação em 2009, com explosivos contra embaixadas, a Bolsa de Valores de Atenas, escritórios do Estado e filiais bancárias, assim como contra policiais e políticos.

O atentado de maior repercussão foi o ataque com um lança-granadas contra a embaixada dos Estados Unidos em 12 de janeiro de 2007, causando danos materiais.

Também são de autoria do grupo outras duas ações, uma que deixou um policial gravemente ferido por tiros de fuzil e outra contra um ônibus policial, que não causou feridos. EFE