Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Americanos libertados no Irã viajam a Omã

Em seguida, os dois turistas devem retornar aos Estados Unidos

Por Da Redação 21 set 2011, 15h10

Os dois turistas americanos libertados nesta quarta-feira após dois anos de prisão no Irã por espionagem saíram de Teerã às 19h local (11h30 no horário de Brasília) a bordo de um avião rumo a Omã. Shane Bauer e Josh Fattal, de 29 anos, saíram da prisão de Evin, no norte de Teerã, e se dirigiram imediatamente ao aeroporto da capital.

“Os dois americanos deixaram o Irã pelo aeroporto Mehrabad de Teerã há poucos minutos. Parece que se dirigem a Omã antes de viajar aos Estados Unidos”, anunciou a agência Irna. Shane Bauer e Josh Fattal saíram da prisão em um comboio de veículos a bordo dos quais se encontravam diplomatas da Suíça e de Omã, assim como representantes do governo de Omã que chegaram a Teerã para a libertação. A fiança de 400.000 dólares por cada um que permitiu a libertação dos dois homens foi paga por Omã.

Bauer, Fattal e sua namorada, Sarah Shourd, foram detidos no dia 31 de julho de 2009 na fronteira entre Iraque e Irã, a qual, segundo eles, atravessaram por erro depois de se perder durante uma excursão pelas montanhas do Curdistão iraquiano. Sarah, de 32 anos, já havia sido libertada sob fiança de 500.000 dólares em setembro de 2010. A libertação de Bauer e Fattal com o pagamento de fiança havia sido antecipada no dia 13 de setembro pelo presidente Mahmoud Ahmadinejad, que mencionou um “gesto humanitário”. Todos eles se declararam inocentes das acusações de espionagem nas duas audiências a portas fechadas de seu julgamento.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade