Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Americanos detidos no Irã são libertados

Por Da Redação 21 set 2011, 11h58

Os dois americanos que estavam detidos há dois anos no Irã acusados de espionagem foram libertados e deixaram a penitenciária de Evine, norte de Teerã. Ambos seguiram para o aeroporto da capital iraniana, informou a agência oficial Irna.

“Os dois americanos seguiram para o aeroporto Mehrabad de Teerã depois que foram libertados”, indica uma nota da Irna, que não revela mais detalhes.

Shane Bauer e Josh Fattal, de 29 anos, deixaram a penitenciária com um comboio de veículos, ao lado de diplomatas da Suíça e de representantes do governo de Omã.

A fiança de 400.000 dólares por cada um que permitiu a libertação de ambos foi paga por Omã.

Outra americana, Sarah Shourd, de 32 anos, já havia sido libertada com o pagamento de fiança em setembro de 2010.

Shane Bauer e Josh Fattal, de 29 anos, foram condenados a oito anos de prisão cada, sob a acusação de espionagem.

Os três americanos foram detidos em 31 de julho de 2009 na fronteira entre Iraque e Irã. Eles afirmaram que entraram no território iraniano por engano, depois que se perderam durante uma excursão pelas montanhas do Curdistão iraquiano.

Todos se declaram inocentes das acusações de espionagem.

Continua após a publicidade
Publicidade