Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Vídeo: atleta causa acidente com cotovelada na Volta da França

Eslovaco foi punido por ter causado acidente com o britânico Mark Cavendish e mais dois competidores

Por Da redação 4 jul 2017, 18h28

O eslovaco Peter Sagan foi excluído da atual edição da Volta da França nesta terça-feira, após se envolver em um acidente. O ciclista deu uma cotovelada no britânico Mark Cavendish no sprint para a reta de chegada da quarta etapa do torneio, entre Mondorf-les-Bains (Luxemburgo) e Vittel (França), provocando um acidente que envolveu outros dois competidores, Ben Swift e John Degenkolb.

Após a prova, vencida pelo francês Arnaud Démare, Sagan recebeu uma punição de 30 segundos, que o tirou do segundo lugar conquistado na etapa para o 115º. Entretanto, a exclusão foi confirmada pouco depois. “Decidimos desqualificar Peter Sagan uma vez que o ciclista colocou seus colegas em risco nos últimos metros do sprint”, disse Philippe Marien, presidente da Comissão Disciplinar da União Ciclística Internacional (UCI).

Cavendish recebeu atendimento médico logo depois do incidente, mas ainda não sabe se prosseguirá no torneio devido a uma lesão no ombro. Em suas redes sociais, o britânico publicou uma foto já no hospital, onde recebeu pontos em um dos dedos da mão direita.

Sagan procurou Cavendish para se desculpar, e também esclareceu seu ponto de vista, “Não é legal um acidente como este. É o sprint. Eu simplesmente não sabia que Mark estava atrás de mim, ele veio pelo lado direito. Mark estava vindo muito rápido pelas costas e depois eu simplesmente não tive tempo de reagir, de ir para a esquerda, e ele apenas veio em cima de mim e depois foi para a cerca”, justificou.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade