Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Tênis: Sharapova não recebe convite e está fora de Roland Garros

"Podemos convidar quem retorna de lesão, não de doping", diz presidente da Federação Francesa de Tênis

Por Da redação Atualizado em 16 Maio 2017, 17h12 - Publicado em 16 Maio 2017, 17h07

Maria Sharapova não receberá convite para disputar o torneio de Roland Garros, que acontecerá entre os dias 28 de maio e 11 de junho. A decisão foi anunciada nesta terça-feira, por Bernard Giudicelli, presidente da Federação Francesa de Tênis, em uma transmissão ao vivo no Facebook.

Campeã do tradicional Grand Slam em 2012 e 2014, a russa, suspensa por doping em 2016, esperava receber um convite para disputar pelo menos a chave classificatória para a competição, uma vez que sua baixa posição no ranking mundial (211ª) não permite sua participação neste ano.

  • “Você pode receber um convite quando volta de lesão, mas não pode recebê-lo quando retorna de uma suspensão por doping. Eu compreendo todo o apelo midiático de Maria, mas conscientemente, não é possível ir além das regras. Ela pode ficar desapontada, mas é minha responsabilidade proteger o jogo”, disse Giudicelli.

    Sharapova passou 15 meses suspensa do tênis por doping pelo uso de Meldonium. Recentemente, ela foi convidada a participar dos torneios de Stuttgart, Madri e Roma, fato que gerou muita controvérsia, pois várias tenistas consideraram injusto que uma jogadora suspensa por doping tenha sua volta aos grandes torneios facilitada.

    Sharapova chegou à semifinal no torneio alemão, caiu na segunda fase na capital espanhola e nesta terça-feira abandonou a segunda fase do torneio de Roma. Ela vencia o terceiro set contra a croata Mirjana Lucic-Baroni por 2 a 1, mas teve que desistir da partida por causa de uma lesão.

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade