Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Técnico argentino da Finlândia exalta superioridade do Brasil

A Seleção Brasileira venceu a Finlândia na manhã desta sexta-feira, por 3 sets a 0, em São Bernardo do Campo, região metropolitana de São Paulo. Apesar da diferença elástica no placar final, os brasileiros tiveram dificuldade para fechar o primeiro set, permanecendo durante a maior parte do tempo atrás do placar.

No entanto, o Brasil conseguiu encaixar o jogo e não teve dificuldades durante os dois sets seguintes, principalmente no terceiro, quando parecia que os adversários desistiram da partida. O técnico da Finlândia, o argentino Daniel Castellani, comentou a derrota da sua equipe, e exaltou a superioridade do Brasil nos últimos momentos do jogo.

‘Parabéns para o time do Brasil, jogaram um bom jogo. É facilmente perceptível a diferença técnica entre os dois times. Hoje jogamos quando o serviço era um serviço médio, quando o serviço começou a ser um pouco mais de qualidade, foi demais pra gente’, declarou o treinador.Com apenas quatro pontos conquistados, a seleção finlandesa ocupa a última colocação do Grupo B da Liga Mundial, que além do Brasil, conta também com o Canadá e a Polônia. O treinador considera os duelos contra a equipe de Bernardinho e a seleção europeia os mais complicados da competição, principalmente por as duas equipes estarem focadas na preparação para os Jogos Olímpicos de Londres.

‘De fora eu posso dizer: Brasil é Brasil, tem a qualidade do melhor time do mundo, mas também sofre pelo passar do tempo. Tem dificuldades de entrosamento, mas outros times também têm esses problemas. Os times que estão se preparando para as Olimpíadas têm outra missão’, disse.

Após a derrota para o Brasil, a Finlândia volta às quadras do estádio Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo, às 12h30 (de Brasília) deste sábado, para enfrentar a seleção da Polônia. No mesmo horário, no domingo, a equipe do técnico Castellani joga contra o Canadá, encerrando a etapa do Brasil da Liga Mundial.