Clique e assine a partir de 8,90/mês

Seleção volta ao Brasil e nega ‘marmelada’ contra a Bulgária

Capitão Giba reforça tricampeonato e diz que críticas ao time são 'palhaçada'

Por Da Redação - 12 out 2010, 13h29

“Nunca pensamos em marmelada. Apenas poupamos jogadores”

A seleção brasileira masculina de vôlei desembarcou nesta terça-feira em São Paulo, após a conquista do tricampeonato mundial, ainda tentando explicar a derrota por 3 sets a 0 para a Bulgária, na segunda fase do torneio. As acusações de que a derrota foi intencional irritam os jogadores, que tentaram minimizar a polêmica.

Mais exaltado, Giba classificou como “palhaçada” as críticas que o time está recebendo. “É triste você fazer tanto pelo país e ver essa palhaçada. Nunca pensamos em marmelada. Apenas poupamos jogadores. Não sei porque falam de derrota para a Bulgária se somos tricampeões”, desabafou. O capitão ainda voltou a culpar as regras pela derrota do time. “O regulamento fez com que acontecesse isso e a culpa não é nossa. O que aconteceu no jogo foi que o Bruninho precisava descansar, o Mundial era uma batalha a cada jogo e fizemos o que era certo para a gente. A gente tinha esse direito de poupá-lo”, completou.

Dois dias depois de admitir que o time brasileiro entregou o jogo e classificar o fato como ‘o pior momento do Mundial’, o líbero Mário Júnior recuou e disse que o Brasil apenas decidiu não atuar com todos os seus titulares. “Foi uma declaração infeliz, no calor da vitória. Ninguém quis entregar”, corrigiu.

Mais de 100 pessoas recepcionaram a seleção no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, que desembarcou sem o técnico Bernardinho, que preferiu permanecer na Itália para descansar.

Vídeo: Especialistas discutem a ética no esporte:

(Com Agência Estado)

Continua após a publicidade
Publicidade