Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Ronda perdeu feio, mas recebeu (bem) mais que Amanda Nunes

No UFC, nem sempre o vencedor leva a melhor quando o assunto é dinheiro

Por Da redação - 31 dez 2016, 09h02

Apenas 48 segundos após o início da luta, Ronda Rousey foi à lona em vitória esmagadora de Amanda Nunes no UFC 207, em Las Vegas. 

Ainda assim, a dura perda, que aconteceu na madrugada deste sábado (31), pode ter doído no corpo, mas não doeu no bolso de Ronda.

A estrela caída do peso-galo saiu do tatame com US$ 3 milhões (R$ 9,76 milhões) a mais na conta bancária. O valor empata com a remuneração recorde recebida por Conor McGregor no UFC 202, em agosto. As informações são da ESPN.com.

 

Publicidade

O valor, que mais ou menos R$ 200 mil reais por segundo de pancadaria, é superior ao que Amanda Nunes recebeu.

A Leoa ganhou apenas US$ 250 mil (R$ 813,8 mil) pela luta– o que corresponde a pouco mais de 8% do prêmio de Ronda.

 

Publicidade
Publicidade