Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ronaldo: os números que fizeram a história do craque

– 18 anos é o tempo que Ronaldo Luís Nazário de Lima dedicou ao futebol como jogador profissional;

– Participou de 515 jogos e fez 352 gols nos sete clubes brasileiros e internacionais pelos quais passou: Cruzeiro (1993); União de Esportes Philips, o PSV (1994-1996); Barcelona (1996-1997); Inter de Milão (1997-2002); Real Madrid (2002-2007); Milan (2006-2008) e Corinthians (2009-2011);

– Apesar de passar por grandes times, nunca foi campeão brasileiro, nem da Libertadores da América nem da Liga dos Campeões, mas coleciona dois títulos estaduais – Paulista e Mineiro – e duas Copas do Brasil, além de nove europeus: Copa dos Países Baixos, pelo PSV; Supercopa da Espanha, Copa da Espanha e Recopa Europeia, pelo Barcelona; Copa da UEFA, pelo Inter; Copa Intercontinental, Campeonato Espanhol (duas vezes), Supercopa da Espanha e Copa da Espanha, pelo Real Madtid;

– Já pela seleção brasileira, foi campeão em duas das quatro Copas do Mundo de que participou – 1994 e 2002;

– Com a camisa canarinho, fez 15 gols em Copas – Ronaldo é o maior artilheiro da história das Copas do Mundo de todos os tempos – e 62 ao longo dos 97 jogos disputados;

– Foi três vezes eleito melhor jogador do mundo pela FIFA – o brasileiro e o francês Zinedine Zidane são os únicos jogadores a conquistarem três vezes o prêmio;

– Tem quatro filhos: Ronald, 10 anos, com a jogadora de futebol Milene Dominguez; Alexander, 5 anos, com a esteticista Michele Umezu; Maria Alice, 10 meses, e Maria Sophia, 2 anos, com a atual mulher, Bia Anthony;

– Passou por duas grandes polêmicas que abalaram sua carreira: a convulsão horas antes da final da Copa do Mundo, em 1998, quando, com a participação de Ronaldo, a seleção brasileira perdeu para a França na final; a confusão com travestis no Rio de Janeiro em 2008, quando uma delas acusou o craque de não ter pagado o programa e ele disse ter sido vítima de uma tentativa de extorsão;

– 250 milhões de reais – esse é o patrimônio estimado de Ronaldo, aos 34 anos de idade.