Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Presidente elogia ex-goleiro Renê como dirigente do Grêmio-SP

Depois de um ano fora dos gramados cumprindo suspensão por doping e apenas uma partida no retorno ao Grêmio-SP, o goleiro Renê, de 34 anos, pendurou as luvas em fevereiro deste ano para se tornar diretor de futebol da equipe em que se tornou ídolo. Passados dois meses da troca de funções, o ex-jogador teve o trabalho elogiado pelo presidente do clube.

Satisfeito com a performance do novo homem forte do futebol do Barueri, que ocupa funções diretivas ao lado de Giovani D’avila, Juraci Catarino, Moisés Cândido e José Maurício da Rocha, o presidente Domingos Brito relembra sua trajetória e elogia sua disposição para abandonar a carreira e se dedicar ao time fora das quatro linhas

‘O Renê tem uma importância muito grande dentro do trabalho do nosso grupo. Antes mesmo de eu colocá-lo como diretor, já era pessoa importante da história do Grêmio’, disse Domingos, em entrevista à GazetaEsportiva.Net na última segunda-feira, antes de completar: ‘Ele tinha condições claras de jogar mais dois ou três anos, mas eu decidi tirar as luvas e colocar como diretor. Ele tem o respeito necessário pela cidade, pelos clube e pelos atletas’.Ainda de folga após a eliminação da Série A2 do Campeonato Paulista, o Grêmio Barueri deve entrar diferente no Brasileirão da Série B, que começa em maio. Com dez dias de descanso, o grupo de jogadores ganhará reforços e também um novo comandante.

Desde o pedido de demissão de Giba, a equipe tem sido comandada interinamente por Evandro Guimarães, mas o próprio presidente do clube garantiu que um novo profissional – atualmente empregado – será anunciado até o próximo dia 10.