Clique e assine com até 92% de desconto

Presidente da Ferrari acredita em Massa competitivo para 2012

Por Da Redação 22 dez 2011, 14h38

As duas últimas temporadas foram de insucessos para Felipe Massa e deixaram a capacidade do brasileiro em dúvida, mas não para Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari. Descartando que os resultados ainda sofram influência do acidente que o piloto sofreu em 2009, o mandatário confia em uma temporada melhor, mas despista quando questionado sobre a dupla titular da escuderia em 2013 – ano em que se encerra o contrato de Massa.

‘Estou certo de que teremos um Felipe competitivo, assim como era antes, quando chegou a ser mais rápido que Michel Schumacher algumas vezes. Ele pode ter uma temporada muito boa em 2012, está se preparando bem para isso’, confiou.

Massa terminou 2011 na sexta posição, somando 139 pontos a menos que seu companheiro Fernando Alonso. No ano anterior, o desempenho já havia sido ruim, com o brasileiro terminando o campeonato também em sexto. Sua última vitória foi no GP do Brasil, em 2008, e após o acidente que sofreu no treino classificatório para o GP da Hungria em agosto de 2009, ele só subiu ao pódio mais duas vezes.

Para Montezemolo, a queda de rendimento do piloto deve-se apenas aos problemas que Massa teve com o carro. ‘As características do carro não se encaixaram com a sua pilotagem. Isto ficou claro desde o primeiro teste. Os pneus eram duros demais. O acidente não teve nada a ver e Felipe será competitivo se nosso carro também for’, analisou o mandatário.

Se não corresponder às expectativas do chefe, são grandes a chance de o brasileiro ter sua última temporada pela Ferrari em 2012, ano em que seu contrato se encerra. Já surgem especulações de que o mexicano Sergio Perez ou então o alemão Adiran Sutil seriam o substituto de Massa. Montezemolo não fala em nomes, mas avisa que a Ferrari está de olho no mercado.

‘São muitas possibilidades, existem pilotos com bom potencial, mas em carros que não são competitivos. Hoje, pilotos não são problemas na Fórmula. Neste ano, gostei de Nico Rosberg’, declarou sobre o alemão que correu ao lado de Schumacher na Mercedes.

Continua após a publicidade
Publicidade