Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Para Deivid, não há mais espaço para derrota ou empate no Atlético-PR

Por Da Redação - 6 out 2011, 18h01

O volante Deivid, que junto com o zagueiro Manoel foi o jogador que mais entrou em campo pelo Atlético-PR neste Campeonato Brasileiro, está focado em tirar o time da zona de rebaixamento da competição. O último jogo, vitória contra o Internacional por 2 a 0, serve de inspiração para a postura que a equipe deve ter a partir de agora no Brasileirão.

O duelo deste domingo será muito importante para a sequência do campeonato, já que o adversário é o Avaí, clube que também luta contra o rebaixamento.

‘Será um jogo de seis pontos, entraremos lá pra vencer. No Atlético-PR hoje é isso: não tem mais espaço para derrota ou empate, só podemos pensar na vitória’, declarou Deivid sobre a partida que acontece às 18 horas (de Brasília) do próximo domingo, no estádio da Ressacada, em Florianópolis.Sobre o poder de marcação da equipe, elogiado pelo técnico Antônio Lopes, o volante considerou que esta sendo eficiente, mas reiterou a importância das jogadas de ataque. A marcação está sendo bem sucedida, mas nós precisamos atacar e poder fazer os gols, igual aconteceu contra o Inter. Apareceu tem que fazer’, disse.

Deivid também concordou que a ‘nova’ dupla de meio-campo do Atlético-PR, formada pelos veteranos Marcinho e Paulo Baier, transmitem segurança aos outros setores da equipe: ‘São jogadores experientes, nós sabemos que se a gente entregar a bola pra eles, eles serão bem sucedidos’.

Publicidade

O elenco do Furacão treinou nesta quinta-feira no Centro de Treinamento do Caju. O técnico Antônio Lopes faz mistério sobre a escalação da equipe que entra em campo no próximo domingo.

Publicidade