Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Para Abel Braga, Fluminense teria passado nos pênaltis e teve azar

Por Da Redação 24 Maio 2012, 00h27

Nesta quarta-feira, o Fluminense ia levando o confronto contra o Boca Juniors aos pênaltis com uma vitória por 1 a 0. No entanto, um gol aos 46 minutos eliminou a equipe carioca da Copa Libertadores. O técnico Abel Braga falou sobre o jogo, analisando que, caso o jogo fosse definido nas penalidades, o Fluminense teria se classificado.

‘Se fosse nos pênaltis seria menos dolorido, mas tenho quase certeza que até nos pênaltis iríamos nos classificar, estávamos confiantes. Só os deuses podem falar, não tem explicação’, lamentou o treinador do Flu.

O comandante analisou que sua equipe dominou a partida, mas acabou eliminada mesmo sem ser pressionada. ‘Peças assim fazem parte do futebol. Saímos em um jogo no qual o meu goleiro não fez nenhuma defesa, o Boca jogou por um lance’, comentou.

Apesar do resultado, Abel fez questão de elogiar o elenco e a torcida. ‘Agradeço aos jogadores, que atuaram com garra e se doaram durante todo o jogo, e à torcida, que mais uma vez abraçou o time e incentivou durante todo o jogo’, ressaltou.

O técnico tricolor se recusou a dar a ausência de Fred e Deco como um fator decisivo para a eliminação, valorizando quem estava em campo. ‘Jogador que não esta em campo nunca faz falta. Seria desmerecer o trabalho de quem está jogando’, declarou.

Continua após a publicidade
Publicidade