Clique e assine com até 92% de desconto

Nova data de GP da India de 2012 causa incômodo no país asiático

Por Da Redação 6 ago 2011, 10h40

O Grande Prêmio da Índia de Fórmula 1 ainda nem estreou na Fórmula 1, e já gera controvérsia. Com a primeira etapa da história da categoria no país marcada para 30 de outubro, a segunda prova já tem dúvidas quanto à sua data de realização, pois poderia ser alterada para o início do ano – em fator proposto por Bernie Ecclestone, e que gerou incômodo por parte dos organizadores locais.

O calendário da F-1 da temporada foi revisado, e colocou a prova indiana no dia 22 de abril para facilitar o calendário de viagens em finais de semana seguidos. Como uma das medidas, o GP da Índia seria repassado para o começo da temporada, em uma época de fortíssimo calor – apenas o mês de maio é ainda mais quente que o de abril.

O fato desagradou os promotores da prova, que mostraram preocupação com as condições térmicas que serão vistas no GP da Índia.

‘Não estou feliz com (a escolha por) abril porque será muito quente’, afirmou Vicky Chandhok, presidente da Federação Indiana de Esportes a Motor e pai do piloto Karun Chandhok.

‘Se tivermos que promover a prova em abril, iremos fazê-la. Mas realmente achamos que a melhor data para o GP da Índia é quando está mais frio. Talvez em março, ou então você vai ate outubro, novembro, dezembro’, explicou.

A estreia da Índia no Campeonato Mundial de Fórmula 1 será no dia 30 de outubro de 2011, a antepenúltima etapa do Mundial.

Continua após a publicidade
Publicidade