Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Napoli vence na Espanha e elimina o Manchester City

Por AE

Villarreal, Espanha – Em uma chave que tinha a força do Bayern de Munique e o poder econômico do Manchester City, o Napoli surpreendeu e conseguiu a classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Nesta quarta-feira, pela sexta e última rodada do Grupo A, o time italiano dependia apenas de suas forças para avançar e conseguiu com uma vitória sobre o Villarreal por 2 a 0, na Espanha.

Com 11 pontos, o Napoli se classificou em segundo lugar na chave e não permitiu que o Manchester City, seu rival na disputa, o ultrapassasse na tabela de classificação. Na Inglaterra, o time comandado pelo técnico Roberto Mancini derrotou o líder e já garantido Bayern de Munique (13 pontos), que jogou com vários reservas, por 2 a 0. Chegou aos 10 pontos, mas insuficiente para seguir na Liga dos Campeões – jogará agora a Liga Europa por ter sido o terceiro colocado.

No estádio El Madrigal, o Napoli jogou da maneira que gosta contra o Villarreal, que conseguiu fazer história ao ser o primeiro time espanhol a não conseguir um ponto sequer na fase de grupos da Liga dos Campeões. No primeiro tempo, a equipe italiana levou alguns sustos em jogadas individuais dos donos da casa, mas conseguiu encaixar alguns bons contra-ataques que quase tiveram sucesso.

Na segunda etapa, necessitando vencer porque o Manchester City já ganhava a sua partida, o Napoli assumiu o controle das ações e exerceu forte pressão. O resultado surtiu efeito aos 20 minutos, quando Inler recebeu de Hamsik na intermediária e acertou um belo chute no canto esquerdo do goleiro Diego López, que nem se mexeu. Com mais calma, o segundo gol veio 11 minutos depois com Hamsik, que aproveitou uma bobeada da zaga na cobrança de escanteio e ficou livre com a bola dentro da pequena área para garantir a vitória.

Na Inglaterra, a esperança do Manchester City ficou acessa no primeiro tempo. Com mias posse de bola, o time inglês envolveu os reservas do Bayern de Munique e criaram inúmeras chances de gol. Uma delas deu certo, aos 36 minutos, quando o espanhol David Silva chutou da meia lua no canto direito baixo do goleiro Butt. Após o intervalo, os donos da casa marcaram mais um – com Yaya Touré, aos 7 – e ficaram na torcida para que o Napoli não vencesse. Não deu.