Clique e assine a partir de 9,90/mês

Muricy vê Neymar ‘sem limites’ após o tricampeonato

Por Da Redação - 14 Maio 2012, 11h20

Por AE

São Paulo – Depois de marcar dois gols e fechar o Campeonato Paulista com mais uma bela atuação, Neymar voltou a ser exaltado por Muricy Ramalho no último domingo, no Morumbi, onde o Santos bateu o Guarani por 4 a 2 e faturou o tricampeonato estadual. O fato histórico não acontecia desde 1969, quando justamente o Santos de Pelé ganhou pela terceira vez consecutiva o Paulistão.

Após a nova conquista, Muricy festejou o fato de poder fazer parte desta era vitoriosa do Santos e mais uma vez reverenciou o futebol de Neymar. “Ele não tem limites e não sabemos o que vai acontecer nunca. Sempre existe uma surpresa com ele em campo. Nunca vai ser um futebol igual, normal, sempre vai ser diferente com ele em campo. E eu acho que é isso que conquista o torcedor”, ressaltou o comandante, para mais tarde enfatizar: “Tomara que tenha mais Neymar para ver”.

Com os dois gols que marcou no último domingo, Neymar fechou este Paulistão na artilharia isolada, com 20 gols em 16 jogos, e seguiu a sua trilha de recordes com a camisa do Santos. Ele já é o maior goleador do clube após a Era Pelé, com 108 bolas na rede ao total, e parece no caminho certo para se tornar o segundo maior jogador da história do clube, pois os números do Rei do Futebol são ainda incomparáveis.

Continua após a publicidade

Ao chegar aos 108 gols, Neymar deixou para trás na lista de maiores goleadores do Santos após a Era Pelé nomes como Robinho, Serginho Chulapa, João Paulo e Juari. Com apenas 20 anos de idade, ele já é o 16.º maior artilheiro da história do clube. E isso com apenas 183 partidas disputadas com a camisa do time.

Na próxima quinta-feira, o craque voltará a campo para enfrentar o Vélez Sarsfield, em Buenos Aires, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores. Na capital argentina, ele poderá ajudar o time a dar mais um passo em sua campanha rumo ao tetracampeonato sul-americano, após ter sido o grande nome da conquista do tri no ano passado. Como disse Muricy, o atacante não tem limites. Resta saber agora até onde ele poderá chegar.

Publicidade