Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Muricy aponta ‘erro grosseiro’ e critica a equipe após derrota

Por Da Redação 25 set 2011, 13h24

Chateado com a derrota para o Figueirense, por 3 a 2, na noite deste sábado, na Vila Belmiro, o técnico do Santos, Muricy Ramalho, demonstrou toda a sua irritação com o resultado em entrevista coletiva após a partida. Para o treinador santista, a equipe errou demais durante todo o jogo e, por isso, deu aos catarinenses a possibilidade de sair de campo com os três pontos.

‘Tomamos gols de uma situação que a gente treina durante toda a semana. Quando o adversário faz gol por mérito dele, tudo bem, perfeito. Mas é algo que nós treinamos. Foi um erro grosseiro, imperdoável’, disse Muricy, se referindo aos contra-ataques do Figueira.

O comandante alvinegro lamentou o espaço dado pelo seu time para os rápidos contragolpes dos catarinenses. Muricy Ramalho lembrou ainda que as falhas de sua equipe foram parecidas com aquelas cometidas na última derrota do Santos antes da série de oito jogos sem perder, interrompida pelo Figueirense: o revés diante do Coritiba, também por 3 a 2, no dia 17 de agosto, na Vila.

‘Foi assim também contra o Coritiba. Eles (Figueirense) só tinham essa chance, nos contra-ataques, e mais nada. Nós estávamos em cima deles. Tínhamos uma vontade enorme de ganhar, mas foi todo mundo para a frente e perdemos. Por isso, não dá pra aguentar a maneira como nós tomamos os gols. Time que leva gol de contra-ataque toda hora é desorganizado. E a nossa equipe não é assim. Somos um time organizado. Faltou atenção’, concluiu.

Continua após a publicidade
Publicidade