Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mourinho celebra goleada tranquila do Real e pede respeito ao Bayern

Plenamente satisfeito com o rendimento de seus jogadores nesta quarta-feira, o técnico José Mourinho comemorou muito a goleada tranquila do Real Madrid sobre o Apoel. Os espanhóis enfiaram 5 a 2 no surpreendente time cipriota e garantiram vaga nas semifinais da Liga dos Campeões.

Apesar de já esperar uma vitória de sua equipe, Mourinho ficou surpreendido com o excelente resultado obtido nesta partida e apontou a atuação de alguns atletas como o grande diferencial da equipe. Entre os elogiados pelo comandante português, o argentino Di María ganhou destaque especial e teve sua participação lembrada pelo técnico.

‘Estou satisfeito com o resultado. Quando cheguei, o Real Madrid estava em um período obscuro na Liga dos Campeões e agora o grupo está trabalhando muito bem. Com relação aos jogadores, Cristiano Ronaldo sempre faz um grande trabalho. Mas eu estou muito contente com a atuação de Di María e Callejón, que não jogavam há muito tempo’, elogiou o rígido treinador.

Mourinho também aproveitou a oportunidade para exaltar o potencial de seu adversário cipriota. O Apoel surpreendeu a todos na ‘Champions ‘deste ano e eliminou equipes tradicionais no torneio, como Porto e Lyon. No entanto, a equipe não conseguiu segurar o poderio ofensivo do Real Madrid e sucumbiu no torneio após as duas elásticas vitórias dos espanhóis – o primeiro jogo terminou com um triunfo por 1 a 0 dos merengues.

‘Era importante ganhar do Apoel. A eliminatória estava controlada, mas sabíamos que se não ganhássemos, poderíamos adquirir problemas. O resultado também dá a eles uma certa satisfação. Eles chegaram a marcar gols e demonstraram o motivo de estarem nas quartas de final’, emendou.Sem buscar nenhuma declaração polêmica, Mourinho finalizou a sua entrevista coletiva pedindo respeito ao Bayern de Munique, próximo adversário da equipe na competição. O treinador espera um jogo duro contra os alemães e apostou que uma nova vitória nesta rodada levará o clube para uma provável decisão com o Barcelona, que enfrentará o Chelsea na outra semifinal.

‘Bayern e Real Madrid será um grande duelo. O Barcelona jogará a final, porque são muito bons. Cabe a nós respeitar o Bayern, que é um grande rival e possui um time muito poderoso. Eles têm uma equipe fantástica e sua dedicação em campo é incrível’, encerrou o comandante merengue.