Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Meu coração está despedaçado’, diz mãe do goleiro Danilo

Aeronáutica Civil da Colômbia, responsável pelas informações oficiais sobre o acidente, confirmou a morte de Danilo

A mãe do goleiro Danilo, Alaíde Padilha, sofreu muito ao longo dessa terça-feira. O jogador estava com o elenco da Chapecoense no avião que caiu de madrugada próximo a Medellín, na Colômbia, e chegou a ser dado como sobrevivente pela manhã, mesmo quando os médicos já haviam confirmado sua morte.

As dúvidas aumentaram a esperança da mãe de Danilo, que se desesperou. “O coração está despedaçado. Estou sofrendo muito, é muito difícil. Eu jamais achei que fosse passar por esse momento. Eu não consegui assimilar ainda. O desespero é muito grande. Não está sendo fácil. A gente não tem notícias concretas. Cada um passa uma notícia diferente a cada minuto”, disse Alaíde, em entrevista ao canal SporTV.

Amigo de Danilo, Martins Neto divulgou em sua rede social que estava na casa da família do jogador e que a última informação recebida é que o colega continuava com vida e consciente. “Precisamos de paciência e fé redobrada”, escreveu.

Danilo foi resgatado com vida após a queda do avião e levado ao hospital. Horas depois, a emissora local Telemedellin relatou que ele não resistiu aos ferimentos e faleceu na San Vicente Fundación. A Cruz Vermelha, no entanto, divulgou em seguida o nome dos sobreviventes da tragédia, com Danilo entre eles.

Mas a Aeronáutica Civil da Colômbia, responsável pelas informações oficiais sobre o acidente, divulgou outra lista minutos depois sem o nome do goleiro, confirmando a morte de Danilo.