Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Marcos Assunção garante foco em terminar bem o ano

Por Daniel Batista

São Paulo – Apesar de ter participado de boa parte dos gols do Palmeiras do ano e de ser responsável pela jogada mais perigosa da equipe, a bola parada, o volante Marcos Assunção foi durante toda a temporada um dos jogadores mais criticados por parte da torcida. Contra o São Paulo, porém, foi dele o gol que deixou mais difícil o caminho do rival alviverde rumo à classificação à Libertadores. Domingo, contra o Corinthians, Assunção é novamente uma das esperanças da torcida para impedir o título alvinegro.

Repetindo o discurso de seus colegas de elenco e também da comissão técnica, Assunção nega que o interesse em vencer o clássico de domingo seja apenas em frustrar o título corintiano. Ele garante que a equipe quer vencer para acabar bem o ano, vencendo um rival.

“Para nós, é só mais um jogo importante, contra um rival. Contra o Corinthians é sempre importante e queremos acabar o ano bem”, diz o volante, que nega que estragar os planos do rival esteja em primeiro plano para ele. “O que eu quero é trabalhar sem me preocupar em estragar os planos de alguém. Jogo contra o Corinthians sempre tem placar magro, o que mostra o quanto é difícil. Mas, sem dúvida, é uma partida gostosa de jogar.”

Questionado a respeito de sua preferência entre ver Vasco ou Corinthians levantando a taça, Assunção deixou claro que vai torcer pelos cariocas. “Pelo que a torcida quer, tenho que torcer para o Vasco. E é o que vou fazer. Mas respeito a instituição Corinthians, pois respeito qualquer adversário. O jogo poderia ser contra o Rio Branco que eu falaria a mesma coisa”, disse ele, lembrando do clube no qual foi formado.

Assunção já viveu no domingo passado a experiência de atrapalhar os planos de um rival. Para ele, porém, o mais importante foi a equipe ter jogado bem. “O mais importante foi que vencemos um clássico e isso é sempre gostoso. E foi ainda mais especial por termos jogado bem.”