Clique e assine com até 92% de desconto

Marcos agradece por homenagem, mas lamenta empates seguidos

Por Da Redação 6 ago 2011, 21h21

O goleiro Marcos foi o homenageado da noite deste sábado, no estádio do Canindé. Na partida contra o Grêmio, o pentacampeão estreou uma camisa comemorativa e agradeceu ao Verdão pela iniciativa, mas lamentou o segundo empate seguido no Campeonato Brasileiro.

‘Adorei a camisa e agradeço ao Palmeiras, que me deu este presente. São 18 anos de clube e fiquei feliz com a homenagem. Mas o resultado não foi o que eu gostaria. Sempre é mais legal sair com a vitória’, afirmou.

Ainda no intervalo, o goleiro brincou sobre a série de festejos que envolvem seu nome, nesta temporada em que pode se despedir do futebol. ‘Fico com vergonha, não preparei minha cabeça para essa moral toda que o pessoal me dá hoje. Eu tenho é que pegar as bolas’.

O empate por 0 a 0 deste sábado deixou o Verdão mais distante da meta de alcançar a liderança, com 27 pontos, no quinto lugar. Antes do duelo com o Grêmio, o time de Marcos já havia ficado no placar por 1 a 1 com o Coritiba.

‘Se você empata duas vezes em uma semana, em termos de pontuação, é péssimo. Foi ruim ficar com esses dois resultados, mas nosso time criou oportunidades, só que não conseguiu fazer’, completou.

A camisa especial lançada por Marcos neste sábado é branca com detalhes em dourado. Inicialmente, o uniforme seria para marcar a aposentadoria do ídolo, mas o clube ainda pode tentar fazer o goleiro prolongar a carreira para 2012.

Continua após a publicidade
Publicidade