Clique e assine com até 92% de desconto

Luxemburgo vê má fase do Fla como ‘natural’, mas pede melhora rápida

Por Da Redação 11 set 2011, 20h50

O técnico Vanderlei Luxemburgo mais uma vez manteve o discurso de tranquilidade após uma derrota do Flamengo no Campeonato Brasileiro. Mostrando serenidade com o mau momento da equipe, que não vence na competição há oito rodadas, o treinador analisou o revés diante do Atlético-PR, neste domingo, em Macaé (RJ).

‘Eles tiveram dois ataques e fizeram dois gols, mas não tem muito o que contestar. A proposta de jogo deles foi essa e eles conseguiram a vitória assim. Nós tentamos daqui, tentamos dali, mexemos a bola de um lado para o outro, mas ela não entrou. Tem fases no futebol em que nada dá certo’, comentou.

O comandante também negou que a queda de rendimento do time, considerado durante um bom tempo como a sensação do Nacional, tenha alguma relação com fatores extra-campo.

‘Ninguém perdeu porque quis. Perdemos porque o futebol é dessa forma, não tem fantasma, não tem outros fatores. O Vasco foi lá e empatou, o Botafogo tomou de cinco do Coritiba, o Brasileiro é isso. Estou chateado, porque estamos numa situação diferente, mas o futebol é assim’, analisou.

Segundo Luxemburgo, porém, a fase não pode durar muito tempo se os rubro-negros quiserem continuar brigando na parte de cima da tabela.

‘Tem que continuar trabalhando, porque daqui a pouco a bola entra. Estamos tentando mudar essa fase e, se quisermos continuar brigando, ela tem que mudar logo’, encerrou.

Continua após a publicidade
Publicidade