Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Luxemburgo critica preciosismo do Grêmio em partida contra o Canoas

Por Da Redação 21 abr 2012, 19h01

O estilo exigente do técnico Vanderlei Luxemburgo já foi assimilado pelo elenco do Grêmio nestes dois meses em que ele está à frente do clube. Neste sábado, após a vitória sobre o Canoas, o treinador se disse feliz com a classificação para a final da Taça Farroupilha, mas criticou com veemência a postura preciosista de alguns jogadores na hora de definir a partida.

‘Estou chateado com o comportamento da equipe. A magia do futebol é fazer as coisas acontecerem de forma simples. Tivemos um preciosismo desnecessário. Temos que mudar nosso comportamento: é preciso sacrifício e entrega o tempo para buscarmos as conquistas. Um momento de vacilo pode jogar fora uma competição. Estou muito contente, as coisas estão indo muito bem, mas eu quero ganhar. Se não mudar este comportamento, não ganharemos’, analisou.

Embora tenha citado um toque de calcanhar de André Lima como um exemplo de jogada enfeitada de forma desnecessária e pouco objetiva, o treinador evitou, durante a entrevista coletiva após a partida, citar ocasiões e jogadores que tenham pecado neste aspecto. Segundo Luxa, as cobranças serão feitas no vestiário para que os erros não se repitam.

O Grêmio, agora, terá mais uma semana inteira para trabalhar até a decisão da Taça Farroupilha. O adversário tricolor será conhecido neste domingo, e sairá do confronto entre Internacional e Veranópolis. Só há uma hipótese de a partida do final de semana que vem não ser no Olímpico: caso o Inter vença o VEC no tempo normal. O campeão deste segundo turno enfrenta o Caxias na decisão do Campeonato Gaúcho.

Continua após a publicidade
Publicidade