Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Liga dos Campeões começa hoje com premiação recorde

Pela primeira vez, Uefa pagará mais de 1 bilhão de euros aos clubes participantes – vencedor receberá quase dez vezes mais que o campeão da Libertadores

Por da redação 13 set 2016, 09h39

A temporada 2016/2017 da Liga dos Campeões começa nesta terça-feira e terá premiação recorde: ultrapassará a marca de 1 bilhão de euros pela primeira vez na história. No total, a Uefa distribuirá 1,257 bilhão de euros (4,635 bilhões de reais) a todos os participantes. O campeão receberá 54 milhões de euros (210 milhões de reais) – quase dez vezes mais que o campeão da Copa Libertadores, que recebe da Conmebol cerca de 29 milhões de reais em prêmios.

A Uefa divide as premiações de duas formas. A primeira varia conforme o desempenho dos times. Quanto mais eles avançam, mais ele ganham. Cada um dos 32 clubes na fase de grupos receberá 12 milhões de euros. A forma variável considera o dinheiro que cada país arrecada por meio da venda de direitos de TV. Ela acompanha a campanha do clube na competição nacional na temporada anterior e o número de partidas na Liga dos Campeões atual.

Leia também:
Na volta de Neymar, Barcelona perde para o modesto Alavés
Guardiola supera Mourinho no clássico de Manchester
‘Running Man’, a dança que contagiou Neymar e outros boleiros

Além disso, os clubes terão direito aos bônus de desempenho: 1,5 milhão de euros por vitória e 500.000 euros por empate na fase de grupos. As equipes que disputarem as oitavas de final receberão, cada uma, 5,5 milhões de euros, e a dinheirama vai subindo.

O campeão receberá ainda mais 15 milhões de euros, enquanto o segundo colocado ficará com mais 10,5 milhões de euros. Com isso, o clube poderá receber, na melhor hipótese, 54,5 milhões de euros. Nos últimos seis anos, apenas uma vez o título não ficou entre Barcelona, Bayern de Munique e Real Madrid – em 2012, o campeão foi o Chelsea.

Rodada – Entre os clubes que estreiam nesta terça-feira, destaque para o pentacampeão Barcelona.  O clube catalão enfrenta o Celtic, da Escócia, no Camp Nou, a partir das 15h45 (de Brasília).  O jogo pode marcar o reencontro do trio MSN depois de quase quatro meses. Luis Suárez e Neymar estão bem e vão para o jogo, enquanto Lionel Messi  segue como dúvida, pois ainda sente dores no púbis. No mesmo horário, Manchester City e Borussia Mönchengladbach fazem na Inglaterra o outro jogo do Grupo C.

Todos os jogos desta terça-feira na abertura da Liga dos Campeões, às 15h45:

Grupo A:
PSG x Arsenal (Parque dos Príncipes)
Basel x Ludogorets (ST Jakob Park)

Continua após a publicidade

Grupo B:
Dínamo de Kiev x Napoli (Olímpico de Kiev)
Benfica x Besiktas (Estádio da Luz)

Grupo C:

Barcelona x Celtic (Camp Nou)

Manchester City x Borussia Mönchengladbach (Etihad Stadium)

Grupo D:

Bayern de Munique x Rostov (Allianz Arena)

PSV x Atlético de Madri (Phillips Stadium)

 

Continua após a publicidade

Publicidade