Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lesão deve tirar chance de Carles Puyol se despedir da Eurocopa

Barcelona, 8 mai (EFE).- A contusão do zagueiro Carles Puyol, do Barcelona, pode encerrar suas chances de disputar a última Eurocopa da carreira, já que o atleta catalão ficará seis semanas sem atuar e assim, não deve ser convocado pelo técnico Vicente del Bosque, para a disputa da competição, realizada entre 8 de junho e 1º de julho.

O defensor, de 34 anos, reclamou de dores após o jogo contra o Espanyol, no último sábado e exames apontaram que ele terá que se submeter a uma artroscopia no joelho direito. O Barcelona divulgou a informação, mas não revelou detalhes sobre a lesão.

A cirurgia deve acontecer no dia 12 de maio. O treinador da seleção espanhola lamentou a ausência do zagueiro. ‘Um grande contratempo’, definiu Vicente del Bosque.

Outro atleta do time catalão, o atacante David Villa, ainda é um problema nos planos da ‘Fúria’ para a Eurocopa. O maior goleador da história da seleção espanhola se recupera de grave lesão que sofreu durante a disputa do Mundial de Clubes, em dezembro. Desde então, o atleta não voltou a atuar.

Todas as previsões davam conta de que Villa ficaria de fora por cinco meses. O período termina no fim deste mês, uma semana antes do início da Eurocopa. ‘É uma incógnita. Estamos preocupados’, admitiu del Bosque, em declarações à emissora ‘Cadena Ser’.

A primeira lista do treinador será divulgada no próximo dia 15 de maio, enquanto a lista definitiva vai ser anunciada após a final da Copa do Rei e da Liga dos Campeões, no próximo dia 27. EFE.