Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Jorginho vai ao CT para se despedir dos jogadores da Portuguesa

Por Da Redação 21 abr 2012, 17h21

Um dia depois de pedir demissão, o técnico Jorginho foi ao CT do Parque Ecológico para se despedir de jogadores e funcionários da Portuguesa. Geninho, anunciado nesta sexta-feira, começa a trabalhar na segunda.

‘Fico triste de sair da Portuguesa, um clube que fez parte da minha vida por muitos anos como jogador e para onde voltei como técnico, para recolocá-la na Série A do Brasileiro’, discursou Jorginho, mentor da brilhante campanha que rendeu o título da Série B em 2011.

‘Infelizmente, neste ano de 2012 as coisas não se encaixaram como deveriam e acabamos tendo um revés’, acrescentou, citando o rebaixamento para a Série A-2 do Paulistão. ‘Faz parte do futebol. Vim me despedir dos meninos, dos funcionários e das pessoas da comissão técnica que trabalharam comigo durante esse período que estive aqui. De longe, vou ficar torcendo para eles alcançarem novamente o sucesso que tivemos em 2011. Muito obrigado a todos e que Deus os abençoe’.

Jorginho chegou à Portuguesa para a reta final do Paulistão-2011 e era tido como o ‘Ferguson do Canindé’ por Luiz Iaúca, vice de futebol e amigo do técnico há três décadas. A confiança era tanta que a diretoria sempre disse que o técnico só sairia quando quisesse. Depois da queda ser consumada, o site oficial do clube chegou a exibir uma nota avisando que não haveria troca de comando. Jorginho, porém, decidiu se desligar alegando que não conseguia mais motivar os atletas como necessário.

Continua após a publicidade
Publicidade